sexta-feira, 1 de junho de 2012

SONIA DE PAULA


 Nasceu em Morro Agudo, SP, em 26 de março de 1953. Iniciou no mundo artístico como produtora de elenco. Logo depois vira cantora ao lado de Jair Rodrigues, no início dos anos 1970. No cinema, seu primeiro trabalho foi no filme Café na Cama e depois Embalos Alucinantes, As Meninas e etc. No teatro fez sucesso em Portugal atuando em Bocage ao lado de Rubens de Falco, depois atuou em outras peças como Capital Federal, A Cigarra e a Formiga, As Moças do Segundo Andar. Na televisão esteve em importantes trabalhos como Estúpido Cupido, A Sucessora, A Indomada, Caras e Bocas, Meus Filhos Minha Vida entre outras. Sonia é produtora teatral e foi instrutora de dramaturgia na novela Alma Gêmea em 2005.
TÁCITO ROCHA fez parte do Grupo de Teatro Macário. Polivalente: era ator, produtor, autor e diretor de teatro. Esteve em peças como O Santo Inquérito, Volpone, Sonhos de Uma Noite de Verão, Um ponto de Luz, Sete Minutos e etc.
Estreou na televisão em 1972 na novela Eu e a Moto. Atuou ainda em Mad Maria, Os Adolescentes e Barriga de Aluguel. Sua última novela foi Essas Mulheres pela Rede Record.
No cinema fez Um Casal de 3, Os Cristais Debaixo do Trono e Sete Minutos. Seu maior destaque na telona foi no filme Consórcio de Intrigas, no qual aparece inteiramente nu.
Tácito Rocha faleceu em 19 de maio de 2011, no Hospital Beneficência Portuguesa, em São Paulo.

Fontes: Twitter Aimar Labaki; IMDB.

E mais:

Hilquias de Oliveira foi casado com a grande atriz Carminha Brandão, dos anos 1970 até a morte desta em 2011. Hilquias atuou em novelas da Rede Tupi, com destaque para Ídolo de Pano, como Doutor Oscar; Um Dia, O Amor, como Gustavo e Aritana. Na década de 1980 abandona a carreira artística e se torna delegado de polícia. Hoje é aposentado na profissão de policial e é presidente da Associação dos Funcionários da Polícia Civil do Estado de São Paulo.
  
 Maracy Mello - Maraci Ambrogi Melo nasceu em Itatiaia, RJ, em 19 de maio de 1943. Iniciou como atriz no filme Tristeza do Jeca, ao lado de Mazzaropi. No teatro atuou em O Avarento, O Guarda da Alfândega e A Ratoeira. Chegou à televisão em 1967 na novela O Tempo e O Vento, depois vieram – A Muralha, Dez Vidas, Sol Amarelo e etc. Foi casada com os cineastas Egydio Eccio e Denoy de Oliveira. Afastou-se da vida artística e hoje dirige uma produtora. Seu último filme foi A Grande Noitada.

 Anderson Martins (Anderson Oliveira Mallio Martins) nasceu no dia 12 de dezembro de 1979. Foi o Pé de Meia da novela Hipertensão em 1987, na qual fez bastante sucesso. No teatro atuou na peça O Menino do Dedo Verde. Até o início dos anos 1990 apareceu em alguns especiais e na novela Lua Cheia de Amor, desde então não se encontram registros da continuidade de sua carreira de ator.

2 comentários:

  1. Dado curioso sobre Sônia de Paula: Em "A Sucessora" (Manoel Carlos/Globo) o casal formado pela empregada interpretada por ela e o mordomo Antônio (Paulo Pinheiro, outro grande coadjuvante que merece destaque) cresceu tanto na trama, graças à química entre seus personagens que tiveram direito a cena de casamento no final da novela, com Suzana Vieira ("apenas" a protagonista da trama) como madrinha.

    ResponderExcluir
  2. E Sônia de Paula foi o cadeirudo em A Indomada, no ar a reprise no canal Viva.

    ResponderExcluir