quarta-feira, 4 de abril de 2012

TÂNIA LOUREIRO


Tânia Regina Vieira Loureiro estreou como atriz na década de 1970 no teatro. Seu primeiro sucesso nos palcos foi na peça Um Edifício Chamado 200 ao lado de Milton Moraes e Denise Dumont, em 1978. Sua última peça foi em 1994 ao lado de Reginaldo Faria em Amândio, O Bem Amado.
Logo chamou a atenção da TV, onde estreou na série Ciranda Cirandinha. Desfilou sua beleza e talento em novelas como: Memórias de Amor, Pão Pão Beijo Beijo, Selva de Pedra, Salomé, Sonho Meu. Sua última trama foi Irmãos Coragem em 1995. Atuou em dois programas Você Decide, sendo o último A Desforra em 1997, quando se despede da carreira de atriz. Hoje, Tânia é funcionária pública do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.

Fonte: Orkut, Comunidade POA- Por Onde Anda?


WALTER MATTESCO estreou na vida artística como cantor, na Radio Mayrink Veiga. Logo depois foi contratado pela Radio Nacional. Devido sua bela voz e sua beleza, logo se destaca como galã do filme Colégio de Brotos da Atlântida ao lado de Oscarito. Ainda no cinema, participou do filme Levante das Saias. Na televisão estreou em 1967 na novela O Homem Proibido. Ainda fez Selva de Pedra em 1972 e sua última novela foi Roda de Fogo em 1986 pela Rede Globo. Atuou também no teatro, mas sua carreira sempre foi mais festejada na música, onde gravou vários discos, principalmente de Bossa Nova.

Fonte: Memorial Norma Suely

E mais:

Alfredo Murphy estreia no cinema em 1962 no filme Rio à Noite. Nos anos 1960 participa de várias co-produções como Manaus, Glória de uma Época (1964) e Os Selvagens (1965). Nos anos 1970 vai para a televisão, sendo sua primeira novela Pecado Capital, em 1975, como o vilão Sandoval. Depois participa de Duas Vidas (1976), Paraíso (1982), Grande Sertão: Veredas (1985) e Pacto de Sangue (1989). Seu último filme é Manoushe, a Lenda de um Cigano. Morre em 8 de janeiro de 1996, no Rio de Janeiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário